Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Mundo Interessante

Mundo Interessante

Imperador Nero


Nero foi o quinto imperador romano, tendo reinado cerca de 14 anos (54-68). Sucedeu a Cláudio, um dos imperadores de melhor memória da primeira dinastia.

O reinado de Nero ficou marcado muito negativamente na consciência romana. Apesar de ter sido imensamente popular entre os escravos e a plebe, Nero era odiado pelas classes dominantes. Tal como o seu tio Calígula, Nero assassinou muitos aristocratas sem recorrer a julgamentos oficiais. Outras características da sua governação foram o amor que tinha pela Arte e a perseguição aos cristãos. Nero adorava festas e os seus banquetes foram dos mais espetaculares alguma vez realizados. Chegou ao ponto de cantar em público e foi acusado (provavelmente de forma injusta) de ser o autor do incêndio que devastou Roma no Verão do ano 64.

Nero acabou por ser declarado inimigo público pelo Senado romano. Para escapar a uma execução humilhante, suicidou-se em 68. Segundo a lenda, as suas últimas palavras foram «que artista falece comigo!» Foi sucedido no governo imperial por Galba.