Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Mundo Interessante

Mundo Interessante

Como Deixar de Fumar

Deixar de fumar é algo que todos os fumadores já pensaram em fazer. Infelizmente, não é assim tão fácil. A nicotina é um poderoso viciante, algo extremamente difícil de cortar. Os primeiros dias após deixar de fumar são marcados por dores físicas e irritação, e a longo prazo o ex-fumante pode desenvolver uma depressão. Isto acontece porque o próprio ato de fumar acaba por provocar alterações físicas e químicas no cérebro do fumante. Ao ser privado de nicotina, o cérebro encara essa privação como um risco de morte, dado que por muito tempo funcionou com a nicotina no sistema. Mas apesar disso, existe esperança para aqueles que querem largar esse vício maldito. Bem vistas as coisas, milhões de pessoas deixam de fumar diariamente. Se elas conseguem, você também consegue.


Deixar de fumar é aprender a viver sem tabaco. Inicialmente essa tarefa vai parecer impossível, mas à medida que os dias passam o cérebro do ex-fumante vai começar a aprender a viver sem nicotina. Por isso, não encare os primeiros dias sem tabaco como dias de sofrimento, mas sim como os primeiros dias de uma nova vida.


Marque um dia para deixar de fumar, e nos dias anteriores a esse grande dia vá diminuindo o número de cigarros que fuma. Eu recomendo o seguinte: amanhã fume 10 cigarros, no dia seguinte 9, no seguinte 8... e assim em diante até ao dia que fuma apenas 1. Isso vai fazer com que o seu cérebro se vá habituando. Nos últimos dias não vacile, mantenha esse exercício. Nesses últimos 10 dias como fumador, altere as suas rotinas: se fuma sempre com a mão direita, fume com a esquerda; se toma sempre café após um cigarro, tome-o apenas duas horas após fumar; se gosta de fumar no quarto, fume apenas no exterior de casa. Essas alterações na rotina irão provocar alterações físicas no cérebro, o que o ajudará a deixar de fumar no décimo dia. Lembre-se, nos últimos 10 dias faça tudo de diferente ao fumar.


No décimo dia, se tiver feito como eu disse, já estará pronto a deixar de fumar completamente. Certamente que notará que nos dias em que fumou 4 ou 3 cigarros, já teve dificuldade em fumar, já estava pronto para deixar. Mesmo assim, fume até ao décimo dia. A partir daí, tem que alterar o que come e bebe, porque muita gente falha no processo de deixar de fumar devido a isto. Não beba bebidas quentes; evite café, mas se beber café tome logo de seguida uma copo de água gelada; compre rebuçados para o vício de ter algo na boca. Também é importante aprender a lidar com a fissura: sentirá, de vez em quando, uma vontade quase incontrolável de fumar um cigarro. Quando isso acontecer, aguente firme, pois essa vontade desaparece após uns 5 minutos. Quanto mais tempo passar sem fumar, menos vezes sentirá a fissura.


Passados uns meses, a vontade de fumar estará completamente "desaparecida em combate". O próprio cheiro do tabaco será algo de nojento para si. Passado um ano, o seu cérebro já estará habituado a uma vida sem tabaco. Nessa altura, você dirá: «Foi difícil deixar de fumar, mas agora é difícil imaginar-me a fumar. Não sei como consegui fumar durante tanto tempo. O cheiro do cigarro é horrível! Parece tão estranho que há um ano atrás eu fumava, pois agora não me consigo imaginar a meter um cigarro à boca.»