Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Mundo Interessante

Mundo Interessante

A Origem do Cristianismo

A religião do Cristianismo é sem dúvida alguma uma consequência da filosofia de Platão. Platão dividiu o mundo em duas metades: mundo verdadeiro e mundo aparente. O primeiro é real, justo, perfeito; o segundo é falso, injusto, imperfeito. Esta ideia era algo de completamente novo no tempo desse filósofo grego, pois as pessoas só admitiam o mundo aparente como único e verdadeiro. O Cristianismo utilizou esta teoria filosófica para criar os seus fundamentos.


Uma religião de escravos, isto é, das camadas inferiores da sociedade, o Cristianismo condenou este mundo e tudo aquilo que está relacionado com o mesmo. Aquilo que afirma este mundo e a vida, como o orgulho, a alegria, o sexo, o poder, foi rejeitado por essa religião. Todas as paixões passaram a ser vistas como pecaminosas. Existe aqui uma tentativa para negar os fundamentos da vida, para negar a própria vida. Aqueles que mais ganharam com esta nova forma de ver o mundo foram os pobres, os infelizes, os doentes, enfim, todos aqueles que estavam arredados da satisfação em viver.


A origem do Cristianismo é assim uma tentativa de escapar deste mundo, algo iniciado por Platão. O ódio que os cristãos guardam para com todos aqueles que são bem sucedidos, um ódio que lança estes últimos para o Inferno, é uma prova de que se trata realmente de uma religião de gente inferior, de uma religião da sub-humanidade. A impotência e o ressentimento são transformados em ódio para com todos os privilegiados.


Qual a razão, então, que explica a participação de alguns nobres romanos nessa religião de supostos escravos? Alguns nobres perceberam que tinham muito poder a ganhar em participar nesse culto, dado que era uma religião que muitas pessoas seguiam. A vontade de poder dos nobres em ganhar ascendente sobre outros nobres, através do apoio popular, levou a que o Cristianismo se espalhasse ainda mais no Império Romano. Foi por essa razão, na minha opinião, que Constantino tomou o partido dos cristãos. Ele reparou que essa religião domestica os homens, quebra os seus instintos. E aquilo que um governante mais quer são súbditos inofensivos!


O Cristianismo surge assim como platonismo para as camadas inferiores. O desprezo dos cristãos a este mundo levou a uma Idade das Trevas na Europa, onde todos se limitavam a passar pela vida submetidos aos sacerdotes para ganharem o Paraíso após a morte. Esta religião é a causadora do atraso civilizacional porque ainda passamos, mais especificamente na autêntica ignorância em que ainda estamos mergulhados quanto aos fundamentos da vida e quanto à aceitação dos nossos instintos mais primários.

4 comentários

Comentar post