Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Mundo Interessante

Mundo Interessante

A Loucura de Nietzsche

Nos primeiros dias de janeiro de 1889, em Turim, Nietzsche abraça um cavalo que estava a ser espancado pelo seu dono. Este episódio é a derradeira prova da loucura de Nietzsche, que já vinha crescendo desde os últimos meses de 1888. A sua obra Ecce Homo é já um monumento à loucura, apesar das muitas passagens extremamente bem argumentadas. A loucura esconde um saber próprio, essa era a crença há séculos. Todos os homens acometidos pela loucura eram vistos pelos seus contemporâneos como mensageiros de Deus ou dos deuses. No caso de Nietzsche, a origem da loucura está na doença da sífilis, que contraiu num bordel, na solidão e no desprezo da sua obra por parte dos homens da sua época. O seu infinito sofrimento deu origem a uma filosofia vibrante e cheia de vitalidade, o que nas condições de existência em que Nietzsche estava mergulhado é algo para louvar e admirar.

1 comentário

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.